Como realizar uma estratégia de e-mail marketing efetiva?

e-mail marketing
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

Mesmo com o advento das redes sociais, o e-mail marketing continua sendo uma das estratégias mais efetivas na internet. Afinal de contas, é cada vez mais difícil encontrar alguém que não tenha, pelo menos, um contato de e-mail.

 

Estima-se que existam cerca de 4,3 bilhões de contas de e-mail em todo o mundo. Na internet, 92% dos usuários usam o canal de comunicação, sendo que 61%, diariamente. Além disso, 72% dos consumidores preferem se comunicar por e-mail com as empresas.

 

Só com esses números, já é possível ter uma ideia do quanto o e-mail é um recurso importante para o marketing digital, mesmo diante de tantas alternativas possíveis.

 

Fora que o canal é bem simples e intuitivo, sendo aplicável a qualquer tipo de negócio: desde uma empresa de construção e reforma, até um empreendimento de menor porte.

 

No entanto, somente 46% das organizações brasileiras utilizam o e-mail marketing para o disparo de conteúdo promocional. Ou seja, ainda não é a maioria das empresas. Por isso, investir na estratégia é uma forma de alcançar destaque no mercado e na concorrência.

 

Caso se interesse pelo recurso, acompanhe o artigo de hoje e saiba como realizar uma estratégia de e-mail marketing efetiva. Continue a leitura!

Afinal de contas, o que é o e-mail marketing?

O e-mail marketing é uma estratégia de marketing digital com foco na comunicação entre as empresas e seus consumidores ou leads (potenciais clientes), através de mensagens compartilhadas pelo correio eletrônico.

 

Normalmente, o contato é feito por ferramentas de automação, que segmentam a lista de e-mail, separando cada usuário de acordo com as suas preferências e necessidades, tornando a comunicação muito mais escalável pela personalização das mensagens.

 

Vale dizer que o e-mail marketing é diferente do spam. No primeiro, o usuário precisa se cadastrar na lista da empresa para receber as mensagens. Ou seja, você só receberá os conteúdos de serviços de contabilidade, caso dê permissão à empresa.

 

Já o spam é conhecido pela “compra” de contatos diversos em listas prontas da internet, sem a mínima segmentação. Essa prática é mal vista e, inclusive, pode prejudicar a imagem das empresas, ao invés de contribuir com o marketing.

 

É bem provável que você já tenha se deparado com alguma mensagem de e-mail marketing. As mais comuns são:

 

  • Envio de e-books;
  • Ofertas e promoções;
  • Confirmações de compras;
  • Newsletters (boletins informativos).

 

Com a evolução cada vez maior das ferramentas de automação de marketing, o e-mail se tornou ainda mais personalizado. Tanto que hoje, o recurso é considerado como uma das melhores maneiras de se comunicar com os consumidores.

Por que usar o e-mail marketing na sua empresa?

Como vimos, o número de usuários de e-mail na internet só cresce. Ao mesmo tempo, nem todas as empresas brasileiras fazem uso do recurso, o que é uma excelente oportunidade para conquistar o mercado e estreitar o relacionamento com os seus clientes.

 

Além disso, o e-mail marketing oferece inúmeras estratégias para as organizações. Por isso, é recomendável que qualquer empreendimento, desde uma empresa AVCB, até uma grande loja de departamentos, utilize o recurso.

 

Abaixo, separamos alguns dos motivos que vão te convencer a aplicar o e-mail como parte das suas estratégias de marketing digital. Confira!

Boa previsibilidade

Além do grande alcance, o e-mail é altamente previsível, principalmente em comparação com outras estratégias de divulgação, como as redes sociais.

 

Através dele, é possível saber realmente para quem a sua mensagem está chegando, se a pessoa abriu o e-mail, se ela rejeitou, o que é uma boa forma de nutrir os leads e mensurar os resultados.

 

Quando divulgamos uma clinica de fisioterapia pelo Facebook, por exemplo, não sabemos quem são os usuários que viram o conteúdo. Já no e-mail, temos o contato de cada um dos leads, sendo uma maneira segura de analisar os resultados e orientar campanhas futuras.

Alto retorno financeiro

O e-mail marketing tem um excelente ROI (Retorno sobre Investimento), sendo uma das estratégias mais rentáveis do ambiente digital.

 

Inclusive, muito disso, deve-se ao preço baixo de investimento nas ferramentas de automação, ao lado do ótimo retorno com a divulgação por e-mail.

Relacionamento mais próximo com o cliente

Devido à capacidade de personalização das mensagens, é possível ter um contato mais próximo com os leads. Só de chamá-los pelo nome, logo no início do conteúdo, é uma forma de mostrar o quanto a sua empresa valoriza o usuário.

 

Certamente, as pessoas se sentirão mais confiantes de fechar um negócio de seguros de autos com uma empresa que se mostra comprometida com as necessidades dos clientes.

 

Além disso, o e-mail marketing ajuda a educar os leads a respeito do seu negócio, já que a empresa tem a oportunidade de compartilhar conteúdo relevante sobre produtos, serviços e o ramo de atuação.

 

Vale dizer que 70% dos usuários afirmam que sempre visualizam os e-mails de suas empresas preferidas. Ou seja, a estratégia é capaz de manter o bom relacionamento com o cliente e, ao mesmo tempo, engajá-los em diferentes assuntos.

4 estratégias de e-mail que ajudam a aumentar suas vendas

Diante de todas as vantagens apresentadas acima, fica fácil entender o porquê o e-mail marketing é considerado como uma das melhores estratégias de divulgação e comunicação da internet.

 

No entanto, uma das principais dúvidas dos negócios quando incorporam campanhas de e-mail diz respeito ao aumento de vendas e conversões. Afinal de contas, o grande propósito é contribuir com o crescimento da empresa.

 

A seguir, conheça algumas dicas que vão te ajudar a aprimorar a sua estratégia de e-mail marketing e conquistar ótimas conversões.

1 – Tenha uma lista segmentada e exclusiva

A personalização é a chave para o sucesso da sua campanha de e-mail. Isso porque os seus assinantes se sentem especiais, já que as mensagens tratam exatamente sobre aquilo que eles precisam, indo além dos conteúdos massivos.

 

Fora que é uma ótima maneira de fazer com que os usuários aumentem o interesse pelos seus materiais e ofertas.

 

Por esse motivo, vale a pena construir uma rede de comunidades, como uma espécie de clube exclusivo. Para isso, vale a pena coletar alguns dados a respeito da sua audiência, incluindo: se eles conhecem o seu produto/serviço, como chegaram até sua empresa, etc.

 

Além do mais, essa segmentação pode ocorrer conforme as etapas do funil de vendas (jornada de compra).

 

Por exemplo, uma pessoa que está próxima a fechar um negócio de locação de impressoras terá interesses diferentes de alguém que acabou de conhecer a empresa.

2 – Invista em um bom design

Ao trabalhar com o e-mail marketing, é importante levar em conta a identidade visual da sua empresa.

 

Afinal de contas, estamos produzindo conteúdo para uma “tela em branco”, sendo assim, ter um design atrativo, organizado e padronizado é uma forma de melhorar o engajamento.

 

Inclusive, vale a pena investir em um botão de ação, também conhecido como Call to Action (CTA). Com esse elemento, a conversão é muito mais simples, pois a intenção é direcionar o usuário a alguma ação, como a compra, ir até o site, baixar um material, entre outros.

 

Também é importante valorizar as frases curtas e objetivas, enfatizando o que o leitor deve fazer. Dessa forma, é possível conquistar um engajamento maior, que irá se traduzir em mais chances de vendas.

3 – Peça um feedback

O feedback é importante para saber se o usuário está realmente se interessando pelo seu conteúdo. Por isso, incentive a resposta dos seus contatos.

 

Por exemplo, quando uma empresa de pintura lança uma tinta nova, vale a pena pedir um feedback por e-mail, com a intenção de verificar se os leads gostaram da cor. Isso pode ser feito de várias formas, como um formulário no campo do e-mail.

4 – Disponibilize materiais para download

O e-mail é um ótimo recurso para o compartilhamento de conteúdo. Por esse motivo, muitas empresas conquistam leads justamente com essa tática: pedem um contato em troca de algo de valor, como um e-book, inscrição em um newsletter, participação de um webinar, entre outros.

 

Sendo assim, vale a pena oferecer algo interessante ao seu público. Além dos conteúdos, a empresa também pode oferecer um desconto exclusivo no aluguel de cabine fotografica, por exemplo, aumentando as chances de vendas.

Conclusão

O e-mail marketing é conhecido como uma das melhores estratégias para engajar e se relacionar com os clientes. Por isso, se a intenção é conquistar um destaque maior com a sua empresa, o ideal é elaborar um planejamento assertivo de e-mail.

 

O artigo de hoje trouxe algumas dicas para uma estratégia efetiva de e-mail marketing. Assim, será possível perceber o quanto o seu negócio tende a crescer, aumentar a vendas e o reconhecimento da marca na internet.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.