Como definir um influenciador digital para sua campanha de marketing?

asian-fashion-female-blogger-online-influencer-holding-shopping-bags-and-lots-of-clothes
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

O avanço das tecnologias modifica as relações sociais e, por consequência, afeta também o mercado comercial, assim como a comunicação nesse meio. Os anúncios de TV não são mais suficientes, é preciso um profissional em influência, um influenciador digital.

O mercado de influência anda ao lado dos objetivos comerciais de uma empresa, atuando para que o consumidor esteja cada vez mais fidelizado aos negócios de uma companhia, por meio de uma ligação afetiva.

Para que esses laços sejam fortalecidos, uma comunicação comercial não é suficiente, é preciso que o consumidor se sinta integrado aos valores adotados por uma empresa, que estejam ligados aos objetivos que movem o cliente.

Empresas de consultoria ambiental precisam divulgar mais do que seus serviços, elas devem destacar o seu trabalho na luta pela causa ambiental, o que pode fortalecer a percepção do público sobre um empreendimento.

Uma comunicação institucional é importante, mas em muitos casos, não consegue passar uma mensagem específica que não soe automática, já que o público não consegue enxergar o percentual humano por trás dessa comunicação, mesmo que ele exista.

Um caminho para que uma empresa consiga destacar esse toque humano por trás dos seus anúncios, é por meio da parceria com um representante específico. Um profissional que já tenha conexão com o seu público.

Antes essas figuras eram exclusivamente nomes conhecidos da mídia, como artistas e celebridades, mas hoje, com o fácil acesso às tecnologias, os próprios usuários passaram a exercer esses papéis de influência, tornando-se os conhecidos influenciadores digitais.

Como age um influenciador digital?

Também conhecidos como digital influencers, os influenciadores digitais atuam muitas vezes como elo de ligação entre as marcas e o público. Mas antes de se falar sobre a atuação comercial desses indivíduos, é preciso entender como eles chegaram a tal posição.

O público só se mostrará disposto a consumir uma linha de bolsas promocionais, ou qualquer que seja o produto divulgado por esses novos profissionais da comunicação, se essa audiência já tiver um contato anterior fortalecido com esses influenciadores.

Influência é a palavra chave, pois é justamente o que esses agentes da comunicação trabalham, trazendo conteúdos que se destaquem com seus públicos específicos, criando uma segmentação de audiência mais aprofundada do que os canais tradicionais.

Essa ligação mais personalizada com o público faz com que, a partir do momento que esses influenciadores passarem a trabalhar com conceitos comerciais, como anúncios publicitários, a possibilidade do público abraçar essa ideia seja maior.

Antes, empresas de limpeza e conservação precisavam de anunciar em programas de TV, revistas e jornais, tendo que lidar muitas vezes com um público geral, que sequer fazia parte do seu público-alvo, com a intenção de atingir os poucos ali presentes.

Agora, com o artifício das redes sociais e dos influenciadores, essas marcas podem apostar em estratégias melhor segmentadas, pois assim como existe uma variedade de assuntos na internet, existe também uma diversidade de influenciadores sobre cada tema.

Esses profissionais realizam, assim, uma função essencial para o marketing de influência no ambiente online, permitindo que as marcas abram um canal de contato com seu público que vá além da comunicação tradicional. Não a substituindo, mas a complementando.

Mas antes de contratar um influenciador digital, com a apresentação de uma proposta comercial, é indispensável entender como funciona esse mercado e sua variedade de tamanhos.

Grandes influenciadores, com milhares de seguidores, podem atingir um público mais amplo, ao mesmo tempo que um digital influencer de menor audiência pode ser mais atrativo à sua empresa.

Não apenas pelo preço menor, mas também pelo seu público melhor segmentado, atingindo diretamente a audiência de preferência da companhia. Como uma empresa de portaria, que pretende atingir pessoas relacionadas ao universo condominial.

Esses comunicadores podem ser divididos em diferentes níveis, de acordo com o tamanho do seu respectivo público:

  • Mega influenciador – a partir de 1 milhão de seguidores;
  • Macro influenciador – mais de 500 mil seguidores;
  • Influenciador – entre 100 mil e 500 mil seguidores;
  • Micro influenciador – de 10 mil a 100 mil seguidores;
  • Nano influenciador – até 10 mil seguidores.

Esses números são importantes na hora de definir qual influenciador é mais chamativo para os seus negócios, mas outras questões são importantes na hora de escolher qual profissional pode prestar serviços para a sua empresa.

Como escolher o influenciador ideal para a sua campanha

Não existe uma fórmula certa para a escolha de um influenciador específico, pois além das particularidades que envolvem esse profissional, existem também as considerações a serem feitas pela marca em si, como o seu estilo e o seu tipo de público.

Para auxiliar esse processo, alguma dicas específicas se destacam, tais como:

Cruze campanhas e explore combinações

Uma empresa não precisa focar especificamente em um só influenciador, pois a pluralidade desses profissionais permite com que não só uma pessoa seja a ideal para a sua campanha.

O uso de mais influenciadores pode, inclusive, aumentar a probabilidade do seu público ser atingido, já que mesmo falando sobre um tema igual, é comum a audiência se dividir entre diferentes canais, de acordo com suas preferências.

E ainda existe a possibilidade desse potencial cliente consumir os conteúdos de ambos influenciadores, aumentando assim as probabilidades de empresas de organização de eventos, por exemplo, conseguirem se conectar com o seu público desejado.

Também é importante que essa comunicação feita pelos influenciadores não seja o único artifício das empresas, unindo tal estratégia a outras campanhas realizadas pela marca, complementando assim uma mensagem específica.

O uso de hashtags e outros elementos que liguem as campanhas é recomendável nesse sentido.

Pense no objetivo da campanha

Cada campanha de publicidade pode ter um objetivo próprio, como aumentar o número de vendas, apresentar um produto novo no mercado, entre outras questões comerciais. Para cada objetivo um diferente influenciador pode ser o ideal.

Isso porque a maneira com que ele interage com o público pode se adequar mais a um objetivo específico. Com base nesse propósito também é possível definir o número de influenciadores a serem contratados, assim como o tema com que eles trabalham.

Conheça seu público e o do influenciador desejado

Conhecer o seu público é um dos conceitos mais tradicionais do marketing, pois é impossível, ou pelos menos mais difícil, falar com um grupo que não se conecta ao meio de trabalho no qual a sua empresa atua.

A escolha por um influenciador também passa por tais preceitos, sendo necessário alinhar os ideais trabalhados pela sua empresa e pelo profissional de comunicação contratado.

Como uma empresa de automação residencial, que busca atingir especificamente um público mais velho, apresentando os benefícios de se automatizar sua casa, trazendo um estilo mais moderno e prático ao seu lar.

Um influenciador voltado ao público jovem pode não ser o ideal nesse sentido, mesmo compartilhando de um tema em comum, o que nesse caso pode ser o tema de decoração a baixo custo.

Conheça bem o seu influenciador

É imprescindível que o tópico de conversação do seu influenciador se conecte aos objetivos da sua empresa, mas além disso, recomenda-se que o seu negócio faça uma detalhada pesquisa sobre os comportamentos do influenciador em si, antes de propor uma parceria.

Na internet, todas as suas ações são permanentes, logo, se alguém cometer um erro, por meio de algum comportamento abusivo, por exemplo, a sua reputação pode ficar negativamente marcada.

Se aliar a tal influenciador digital pode trazer danos para a imagem da sua companhia. Dessa forma, não se recomenda que fornecedores de produtos para pet shop trabalhem com alguém que praticou maus tratos a um animal, diante do impacto negativo causado.

Tipos de influenciadores

Após analisar conceitos internos da empresa, e como eles se adéquam a um ou mais influenciadores específicos, a companhia já pode realizar o contato com esses profissionais, tendo predefinido um perfil desejável à campanha a ser executada.

Além do perfil da comunicação, é preciso escolher o tipo de influenciador que melhor se adeque aos propósitos dessa campanha, já que eles se encontram em diferentes grupos, tais como:

  • Top celebs (grande público, atuam com assuntos gerais);
  • Fit celebs (se encaixam em um tema específico);
  • Autoridades (são referências em um assunto);
  • Trendsetters (defendem uma causa, como ativistas sociais);
  • Jornalistas (trazem imparcialidade aos seus conteúdos);
  • Influenciadores internos (funcionários da própria companhia).

Caso sua empresa trabalhe com a confecção de camisa polo uniforme, ela pode atuar com influenciador digital tob celebs, de forma com que eles divulguem os seus serviços a um grande público.

Ao mesmo tempo, caso você queira destacar uma qualidade específica do seu produto, como o tecido utilizado e o processo de confecção dos elementos bordadas, talvez uma fit celeb seja uma opção, destacando-se com um público melhor segmentado.

Trabalhar com influenciador digital pode ser uma boa escolha para implementar a sua comunicação nas redes, destacando-se com o público geral, ou até mesmo um específico, depende-se apenas do seu objetivo e do influenciador contratado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.