Agência Novo Foco

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Como enviar seu site para o Google (e por que isso é importante)

Você desenvolveu um site incrível. Conseguiu juntar um conteúdo realmente interessante, trabalhou no design e recebeu muito feedback sobre o que foi feito. Agora, você sente que está na hora de compartilhá-lo com o mundo.

E assim que você publicar seu site para todo mundo ver, todo o conteúdo dele passará imediatamente a aparecer no Google, certo?

Bom, talvez. Leva um pouco mais de tempo do que apenas apertar o botão “Publicar”. Para aparecer nos resultados de pesquisa, o Google precisa “rastrear” e “indexar” seu conteúdo. Isso acontece automaticamente em alguns dias ou semanas, mas se você for o proprietário do site, poderá enviá-lo manualmente para o Google a fim de acelerar esse processo.

Há duas maneiras de fazer isso. Mas, antes, vamos ver rapidamente como o Google rastreia e indexa o conteúdo do seu site.

Como o Google encontra o seu conteúdo

Como o próprio Google diz, ele usa um grande conjunto de computadores para buscar (ou “rastrear”) bilhões de páginas na Web. Este rastreador, chamado de Googlebot, basicamente começa por uma lista de URLs de página da web gerada a partir de rastreamentos anteriores, aumentando-a com os dados do mapa do site fornecido no Google Search Console. Durante o processo de rastreamento, o Googlebot, também conhecido como “indexador”, busca sites novos, atualizações em páginas existentes e links corrompidos.

Se houver páginas novas no mapa do seu site, o Google as descobre, rastreia o conteúdo e possivelmente as lista nos resultados de pesquisa com base em uma avaliação com mais de 200 critérios.

Ao final desse processo de rastreamento, todos os resultados vão para o índice do Google, e todos os sites novos ou conteúdos atualizados passam a ser devidamente listados. Durante o processamento dos resultados, o Google analisa as informações da página, como tags de título, metadescrição, tags alt e muito mais. Se houver conteúdo dinâmico em uma página, pode ser que o Googlebot não consiga lê-lo, fazendo-o rastrear a versão padrão. Inclusivo, é recomendado que a sua versão padrão esteja otimizada para pesquisas.

Como há o rastreamento do Google, talvez você nunca precise enviar seu site, pois ele será descoberto automaticamente. A desvantagem disso sempre foi confiar no tempo que o Google leva para rastrear e indexar o seu conteúdo, algo que pode não acontecer na velocidade ideal para você.

Quer saber se um determinado site está listado no Google? Basta iniciar sua pesquisa com “Site:nomedosite.com”. Veja o que aparece, por exemplo, quando pesquisamos HubSpot.com no Google:

Resultado do Google ao pesquisar o site da HubSpot.com com o formato site:HubSpot.com

Se ainda não houver conteúdo indexado para um site, o Google informará que sua pesquisa não encontrou nenhum documento correspondente.

Se nenhum conteúdo for encontrado, sua próxima etapa deverá ser criar um mapa do site que possa ser enviado para o Google.

Quanto tempo demora para o Google indexar o conteúdo?

Meu ex-colega Casey Henry quis saber a mesma coisa e fez um teste para ver quanto tempo o Yahoo! e o Google levavam para rastrear e indexar conteúdo. Os resultados? Bom, os resultados foram surpreendentes.

Ao publicar conteúdo sem enviá-lo manualmente um mapa do site atualizado, Henry descobriu que o Google levava 1.375 minutos para rastreá-lo, enquanto o Yahoo! levava 1.773 minutos. Colocando esses números em perspectiva, é cerca de um dia inteiro só para rastrear o seu conteúdo.

crawl-time-no-sitemap.jpg

Fonte: Moz

Por outro lado, se você estiver lançando um site novo, ou adicionando páginas a um domínio já existente, poderá valer a pena enviar um mapa do site atualizado. Nesse mesmo estudo, Henry descobriu que, após enviar o site do mapa atualizado, o tempo médio para um bot visitar a página foi de 14 minutos no Google, e 245 minutos no Yahoo!. Em outras palavras, sua página nova pode começar a gerar tráfego orgânico e conversões no mesmo dia da publicação.

crawl-time-with-sitemap.jpg

Fonte: Moz

Como eu faço para enviar meu site para o Google?

Para enviar seu site para o Google, adicione o mapa do site atualizado à sua conta do Google ou envie um pedido de indexação para a URL desejada pela ferramenta Fetch as Google. Os dois processos exigem que os proprietários do site façam um cadastro no Google Search Console.

Veja agora as especificidades de cada opção:

Se você tem um site novo…

Se você estiver lançando um site, primeiro faça a verificação dele no Google Search Console. Em seguida, envie-o aqui: selecione a opção “Enviar um mapa do site” ao chegar a esta página.

Se você já tiver um site e estiver adicionando novas páginas…

Após lançar um domínio, você ainda poderá enviar novas páginas para o Google para indexá-las e classificá-las. Qualquer pessoa podia fazer isso para uma página ser rastreada, independentemente de ser o proprietário dela. Agora, só o proprietário do URL pode pedir ao Google para rastreá-lo novamente, da mesma forma que só os proprietários podem fazer o lançamento do site.

Há algumas opções se você tiver uma página e quiser que o Google a rastreie novamente:

Envie um mapa do site atualizado

Primeiro, você pode enviar um mapa do site atualizado para garantir que ele seja listado o mais rápido possível. Para enviar um mapa do site atualizado, conecte-se ao Google Search Console e selecione “Adicionar propriedade”.

Botão vermelho “Adicionar propriedade” no Google Search Console

A partir daí, você pode enviar o mapa do seu site atualizado para o Google poder fazer o rastreamento mais rapidamente.

Campo em branco para adicionar um mapa do site ao Google Search Console para rastreamento de um novo site

Fetch as Google

A ferramenta Fetch as Google permite que você teste a forma como o Google rastreia as páginas do seu site. Por ser proprietário do site, você também pode usá-la para reindexar cada URLs depois de tê-las testado. Para isso, faça login no Google Search Console e selecione a propriedade que está listada no Google.

Na barra lateral à esquerda, selecione Rastrear > Fetch as Google, conforme a imagem abaixo:

fetch-as-google

Uma tabela será exibida na qual você pode digitar o caminho de uma URL após o nome do seu domínio, para “Testar” esta página específica no seu site. Veja como fica abaixo:

Tabela da ferramenta Fetch as Google no Google Search Console com solicitações de teste anteriores de sites

Como você pode ver acima, duas solicitações de teste estão listadas abaixo da barra “Teste”. O status desses testes é “Parcial”, mas assim que estiverem completos, o Google avaliará a qualificação deles para reindexação. Se o URL que você testou se qualificar, aparecerá a opção “Solicitação indexação” no lugar do retângulo vermelho na captura de tela acima. Selecione esta opção para o Google iniciar o processo de rerrastreamento e reindexação da página.

Como já mencionamos neste artigo, as solicitações de indexação podem levar de um dia a duas semanas para serem concluídas. Então, confira a tabela da ferramenta Fetch as Google periodicamente para saber o status das suas solicitações ativas de indexação.

A partir das instruções acima, você pode estar se perguntando se é preciso enviar um mapa do site atualizado ou uma solicitação de indexação toda vez que publicar uma página nova. Se a atualização for de um conteúdo importantíssimo e que você gostaria que o Google reconhecesse o mais rápido possível, então, a resposta será sim. Mas saiba que o Google também faz novos rastreamentos de páginas sozinho, então, não tem problema deixar que esse processo aconteça nos bastidores, enquanto você cria e atualiza regularmente seu conteúdo.

Fonte original do Artigo: HubSpot 

 

Leia também: 7 Tipos de Marketing adotados pelas grandes marcas do mercado que você pode usar para impulsionar seu negócio

Confira mais posts:

Deixe uma resposta

Close Menu