Agência Novo Foco

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Conheça alguns dos principais fatores de rankeamento do Google

Ter um site é preciso, porque a necessidade atual é de ter todo um trabalho que deve ser digital. Dessa forma, é o momento de conhecer alguns dos principais fatores de rankeamento do Google, ou seja, é positivo.

Esteja ciente de que antes de qualquer coisa, você deve entender que sem SEO não dá para chegar lá. Alias, SEO pode ser explicado como algumas medidas que vão te fazer ser ranqueado pelos buscadores mais populares.

Obviamente que trata-se do Google, porque os demais não são lembrados na hora de fazer uma pesquisa. Esse tipo de coisa vai fazer diferença e a postagem vai te auxiliar a entender as questões que são essenciais.

Quais são os principais fatores de rankeamento do Google?

Antes de qualquer coisa, lembre-se que serão te mostrados dez alternativas e que irão deixar tudo mais simples. Os próximos tópicos vão te auxiliar a entender essas questões que merecem atenção por parte de todos, veja:

1.  Page Authority/Pagerank

Trata-se de uma métrica que remonta ao começo do Google e irá te dar uma nota sobre a palavra chave. Será de 0 a 100 e isso estará diretamente ligado aos fatores ligados a relevância.

2.  Autoridade do domínio

Também é metrificado pela Moz e irá utilizar alguns critérios para avaliar uma página, porém expandido para o domínio. As páginas ligadas ao seu site serão avaliadas e terão uma nota.

3.  Relevância dos links

Não adianta inserir muitos links na sua página, porque não é dessa forma e o principal é colocar apenas os necessários.

4.  Conteúdo original e de qualidade

O texto precisa ser legítimo e de nada vai adiantar copiar conteúdos, porque o Google penaliza quando isso acontece. A qualidade também é medida pela originalidade ou não do conteúdo que foi criado.

5.  Tamanho do conteúdo

Não existe um tamanho ideal de conteúdo, porém quanto maior for melhor será e tudo depende do caso. O ideal é entender que você deve caprichar nos conteúdos para que tenha boa autoridade.

6.  Palavra-chave no título (tag title)

O Yoast SEO do WordPress é um plugin interessante e que vai atender mostrar um pouco mais sobre o SEO. Caso você opte por outra plataforma, lembre-se de colocar a palavra-chave no título.

7.  Palavra-chave no conteúdo

Lembre-se que existe uma densidade média da palavra-chave, que pode ser de 0,5% a 3% e o intervalo para utilizar a palavra-chave é de 30 palavras.

8.   Tempo de permanência na página

O Google sabe de tudo e até o tempo de permanência na página, ou seja, isso auxilia no SEO.

9.   Velocidade de carregamento da página

Atualmente um site não deve demorar mais do que 2 segundos para abrir e por isso é essencial ter outro cuidado. Trata-se de entender que um dos principais fatores de rankeamento do Google é ter um site otimizado para dispositivos móveis.

10.  Design responsivo

Os sites precisam que seja responsivo, ou seja, possam ser abertos em computadores e também celulares. Isso é fundamental e permite que a experiência do usuário possa ser sempre no nível mais elevado.

Confira mais posts:

This Post Has One Comment

Deixe uma resposta

Close Menu